Blog

Dicas, Finanças

Primeiro apartamento: tudo o que você precisa para comprar o seu

Por onde começar a busca por seu primeiro apartamento?

 

A oferta de imóveis no mercado é cada vez mais ampla e diversificada. E encontrar uma casa com a sua cara requer muita pesquisa. Pensando nisso, preparamos uma lista com as principais dicas para você comprar o seu primeiro apartamento com tranquilidade e segurança.

Planejamento financeiro para o primeiro apartamento

Se você chegou até aqui, já deve ter ouvido que para comprar um imóvel o primeiro passo é se planejar financeiramente. Bem, essa é a regra básica para quem quer realizar o sonho da primeira casa própria com tranquilidade.

Organize seus ganhos e gastos em uma planilha e calcule o quanto sobra por mês para investir em um primeiro imóvel. Dessa forma será mais fácil visualizar o quanto pode gastar por mês em um financiamento. A indicação é que não seja comprometida mais que 20% da sua renda mensal.

Novo ou usado?

A primeira vista, um imóvel usado pode sair mais barato. Porém, esse tipo de propriedade pode precisar de uma boa reforma e sair custando mais caro que um apartamento novo onde ninguém nunca morou.

Além disso, os imóveis mais modernos costumam ter o condomínio mais em conta e um menor custo de manutenção, mas também tem uma maior depreciação.

A escolha certa será aquele que mais combina com seus sonhos e estilo de vida.

Atenção a localização

Encontrou aquele imóvel dos sonhos? Não esqueça de pesquisar a vizinhança. Visite o local em horários diferentes analisando o acesso ao transporte público, o comércio da região, a segurança do local ou se é muito barulhento.

Vale a pena usar o FGTS

Para aqueles que trabalham com carteira assinada, o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço pode auxiliar a conseguir um financiamento menor. O benefício só pode ser resgatado em algumas situações específicas, dentre elas a compra do primeiro imóvel.

 Fique de olho nos custos extras

O valor pago por um imóvel vai além da entrada e das parcelas do financiamento. Logo no início é preciso custear taxas de transferências, encargos bancários e outras despesas com documentação. Por isso, é necessário ficar atendo e fazer uma reserva financeira para essas despesas.

Conferência profissional da documentação

Os documentos são parte fundamental para adquirir um imóvel e essa pode ser a etapa mais complicada. Por isso, busque profissionais da área como advogados ou uma imobiliária para conferir a documentação. Isso pode evitar muita dor de cabeça.

 

Agora que você já sabe por onde começar a busca pelo seu primeiro apartamento, está pronto para dar o grande passo? Baixe nossa planilha para controle financeiro e comece a poupar.

Comente e nos conte como está sendo esse processo para você!

voltar para o topo